5 de abril de 2010

Coluna: Música da semana


Título: "Não Sei" (No Other Love)

LP: Maysa (1974)



Autoria: Paul Weston / Bob Russel / Vrs. Aloysio de Oliveira

Análise:
"Não Sei" (No Other Love) é uma popular canção norte americana, de 1950. A letra é de autoria de Bob Russel e a música creditada à Paul Weston, mas é realmente derivada da melodia clássica "Tristesse" de Frédéric Chopin. A versão para o português é de Aloysio de Oliveira.

É impossível não se encantar com a sutileza das harpas de "Não Se"i, é de uma beleza incrível, que se une perfeitamente à voz madura e grave de Maysa. A música adquire um caráter intimista diante do questionamento ''Do que somos, aonde estamos e para onde vamos''. É um questionamento existencial, que se entrelaça perfeitamente ao espírito livre e independente de uma Maysa madura, sem máscaras ou fantasias. É uma peça essencial dentro do conjunto de um álbum de serenidade e paz inigualáveis, são quase 20 anos de carreira somados na balança da vida e pelos tantos caminhos percorridos.

"Não Sei" é a própria Maysa, aos olhos de quem a vê, de quem vê a verdadeira Maysa. Diante de tanta verdade gritando aos nossos ouvidos, continuamos nos perguntando ''O que somos, aonde estamos e para onde vamos'' diante disto, destes gritos sem resposta, só nos basta dizer: Não Sei.

A canção foi interpretada por Maysa em um especial antológico do programa Fantástico da TV Globo, em 1975, numa época em que a televisão brasileira produzia verdadeiras preciosidades musicais de alta qualidade com os maiores nomes da MPB. São materiais que devem ser visualizados pelas próximas gerações.


video

5 comentários:

  1. Por favor alguem me diga
    Mil caminhos uma vida
    Tanta coisa que eu ainda não fiz

    Um sentimento não sentido
    Uma dor em desespero
    Do amanhã que já chegou

    Por favor alguém me diga
    Qual a medida
    Desta dor que eu nunca quiz

    Viva Maysa!

    ResponderExcluir
  2. Maravilhoso, como tudo o é, quando se diz ;Maysa.

    ResponderExcluir
  3. É ternura, é paz, é verdade, é vida, é Maysa!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado á todos, queridos!
    ''Não Sei'' é um oceano de verdade, é Maysa!

    ResponderExcluir
  5. "Não sei" é perfeita....é plena....como Maysa..

    ResponderExcluir